Ata da Assembléia Geral Extraordinária do SINTEST-BA/UEFS 29/09

Ata da assembléia extraordinária dos técnicos estaduais da Universidade estadual de Feira de Santana, realizada aos vinte e nove dias de setembro de dois mil e onze, no auditório IV, modulo VI da UEFS para tratar da seguinte pauta 1) Informes; 2) Paralisação dia cinco e vinte cinco de outubro de dois mil e onze com ida a Salvador; 3) Orçamento e autonomia das Universidades; 4) O que ocorrer.O Presidente do SINTEST, Deibson Cavalcanti começou a assembléia às nove horas e trinta minutos em segunda convocação, onde logo de inicio foi colocado em votação se seria uma assembléia ou uma reunião ampliada devido ao baixo número de presentes, onde seis servidores votaram a favor de ser assembléia, e três a favor de reunião ampliada, e houve uma abstenção. Sendo assim seguiu-se para o primeiro ponto, os informes: onde foi informado o que ocorreu no fórum das doze e no fórum dos técnicos que aconteceu em Vitória da Conquista. A coordenadora de Eventos do SINTEST Roquidéa segue comunicando, o que ocorreu na ida para Salvador no dia vinte seis de setembro de dois mil e onze, para o lançamento do Fórum Estadual Pela Valorização dos Serviços e Trabalhadores e Trabalhadoras Públicos da Bahia, realizada no Hotel Portobello. Em seguida Roquidéa também avisa da carta que foi elaborada para ser enviada ao governador Jaques Wagner e leu para os presentes, logo após esclareceu as duvidas dos servidores presentes. O presidente do SINTEST segue dando os informes onde comunicou da organização de dois grandes seminários, o primeiro a respeito da copa do mundo (o papel do funcionário publico na copa), o segundo sobre a valorização do funcionário público, onde as datas previstas são nos meses de novembro e dezembro. A servidora Rita Suzart comunica sobre a atuação da comissão de evento, se mostra indignada pelo horário que o evento da secretaria foi marcado, onde ela procurou Rossini visando uma solução. Também comentou da questão dos animais do campus, a questão dos cachorros que estão entrando na Universidade e atacando os gatos, e levantou um questionamento: E se esses cachorros começarem a atacar as pessoas? E pediu para as pessoas presentes a divulgarem a questão da adoção de animais. Passado esse momento a Coordenadora de Eventos Roquidéa comunica da intensa luta do SINTEST em conseguir uma vaga no conselho do PLANSERV. Passando a palavra para os demais presentes o servidor Vandson informa sobre o primeiro seminário de assistência estudantil, que será realizado na UEFS, sendo que contará com a participação das outras Universidades Estaduais, que será realizado nos dias vinte dois e vinte três de novembro, onde conta com a presença tanto dos alunos como dos servidores, onde ocorrerá entrega de certificados. Ainda no momento informes o presidente do SINTEST comunica da retomada das atividades da Estatuinte. Diz que há vagas em comissões, sendo elas: Estatuinte, ações afirmativas, comissão de Esportes. E também avisa sobre a intensa luta em busca de um melhor plano de cargos e salários, onde caso consiga muitos servidores não terão direito pois não participam de comissões. Seguindo para o segundo Ponto de Pauta sobre a questão das paralisações dos dias cinco e vinte cinco de outubro, foi colocado em votação se haveria ou não, a maioria dos servidores presentes aprovaram, onde houve uma abstenção, então ficou definida paralisação com ida a Salvador. O servidor Vandson pede a palavra e faz algumas observações sobre paralisação, onde diz que todo tipo de paralisação é valido, inclusive aquelas que os servidores não participam e ficam em casa. Passada a fala de Vandson, a servidora Rita Suzart pede a fala e faz uma observação, que os servidores não participaram de manifestações em prol do PLANSERV, que envolve diretamente a saúde de todos, então não são outros assuntos que vão mobilizar essas pessoas, que a maioria dessas pessoas só querem paralisar para ganhar um dia de folga. Seguindo Marcos Luciano comenta a questão dos pontos discutidos em assembléias anteriores, que estão sendo esquecidos, e que isso não deveria acontecer. Então seguiu para o próximo ponto a questão do orçamento e autonomia das Universidades, onde o Presidente do SINTEST prestou alguns esclarecimentos, e após isso foi colocado alguns pontos para reflexão. O servidor Marcos Luciano se dispôs a ajudar na questão da divulgação de informações, onde Deibson achou de extrema importância essa atitude. Após todos esses momentos encerrou-se a assembléia. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

sintest convida aniversariante

Aniversariantes mês do março