segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Informativo


 


                                                                

SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO DO 3º GRAU DO ESTADO DA BAHIA
Nova Imagem

Informativo Especial

SEMANA DE MOBILIZAÇÃO CONJUNTA DE 15 a 19/09/2014

SINTEST/UEFS – ADUFS – DCE/UEFS


Mais uma vez fomos surpreendidos! A Secretaria de Educação (SEC) através divulgação de nota, informa sobre corte de verbas no orçamento de 2015, o que vem reiterar uma sequência de reduções no orçamento das universidades estaduais nos últimos três anos, a saber:
·         2013 - R$ 55 milhões, aproximados;
·         2014 - R$ 51 milhões, aproximados;
·         2015 - R$ 49 milhões, previsão.
Ainda segundo a SEC, a cota prevista equivale a 5% da Receita Líquida de Impostos (RLI), desprezando completamente a reivindicação de 7% da RLI pleiteada pela comunidade universitária. Se considerado este ano, na UEFS, a proposta significa uma redução de cerca de R$ 1.868 milhão em custeio e investimento.
Com mais esse golpe, que além de ameaçar mais ainda os processos de progressão e promoção da carreira de técnicos que se arrasta desde 2003, faltará recurso para a compra de equipamentos e material didático necessário às atividades acadêmicas; para as obras em andamento ou previstas, para a política de permanência estudantil e para o pagamento de fornecedores e terceirizadas entre outras atividades.
Como exemplo, no semestre 2014.1, na UEFS, o serviço de telefonia fixa da universidade foi interrompido por alguns dias porque as faturas não foram liquidadas; a empresa que faz o transporte de servidores técnicos ameaçou suspender as atividades, o que invibializaria o funcionamento da Instituição. Situação semelhante acontece nas demais universidades estaduais.
Diante deste quadro, a categoria decidiu por mobilização conjunta com docentes e discentes das demais universidades estaduais da Bahia entre os dias 15 a 19 de setembro de 2014. A seguir, elencamos as principais reivindicações:

a)    Destinar 7% (sete por cento) da RLI (Receita Líquida de Impostos) para as Universidades;
b)    Pagar reajustes salariais anuais retroativos a janeiro de cada ano, sendo esta a data-base legal da categoria;
c)    Converter em pecúnia a Licença Prêmio dos servidores técnicos das UEBA´s;
d)    Aumentar o valor do Auxílio Alimentação congelado em R$9,00 reais a aproximados 10 anos;
e)    Pagamento da URV;
f)     Abrir mesa central de negociação para tratar dos problemas dos Técnicos (Órgãos extintos) e Auxiliares Administrativos;
g)    Converter em pecúnia 1/3 (um terço) de férias.


SINTEST SOMOS TODOS NÓS!

Nenhum comentário: